Presidente da FLEM parabeniza egressos pela conquista

Alegria e sensação de gratificação. É com essa mistura de sentimentos que Vinícius Santos, 20 anos, recebeu a notícia de que seria um dos 51 jovens contemplados no Programa Primeiro Emprego. Morador do Arraial do Retiro, em Salvador, o garoto concluiu o curso de educação profissional de técnico em Administração no Colégio Severino Vieira, em Nazaré, e vai começar a trabalhar na Secretaria da Administração (Saeb). “Com essa oportunidade, eu espero aprimorar os conhecimentos adquiridos no curso e agregar novas informações e experiências”, afirma.

Vinícius e outros 50 jovens participaram do IX Seminário de Acolhimento Setorial, nesta segunda-feira (24), no auditório da Secretaria da Educação, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). O evento, realizado pela Saeb em parceria com a Fundação Luís Eduardo Magalhães (Flem), teve o objetivo principal de dar as boas vindas a esse novo grupo de servidores, que serão lotados na Saeb e em Postos SAC de Salvador e região metropolitana (RMS).
Bárbara Elisabete Vieira, 20, também vai conseguir o primeiro emprego com registro na Carteira de Trabalho (CTPS), atuando no posto SAC de Camaçari. Ela mora em Catu de Abrantes e também fez o curso de técnica em Administração no Severino Vieira. “Espero aproveitar essa chance, que é o sonho de todo jovem, para continuar abrindo portas na minha vida profissional”, comenta.
Nos próximos dias também irão se apresentar mais 15 jovens, que vão atuar em sete postos SAC do interior do estado. Eles vão trabalhar em Eunápolis, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Jequié e Teixeira de Freitas. O seminário de acolhimento será feita através de Educação a Distância (EaD).
Para a presidente da Flem, Maria Quitéria, o mais importante para os jovens é saber que foram selecionados por seus próprios méritos. “Diante de um cenário difícil como este que estamos vivendo, essa é uma oportunidade única para eles, é um incentivo a buscarem sempre o conhecimento como o melhor caminho para as conquistas na vida”, ressalta.
Durante o evento, que já foi considerado como o primeiro dia de trabalho de cada um deles, os jovens assistiram a uma apresentação sobre o projeto e também sobre a estrutura interna da Saeb. Além disso, passaram por um treinamento sobre o ‘Modelo SAC de Atender’. A diretora Operacional da Superintendência de Atendimento ao Cidadão (SAC), Carla Santiago, lembrou que o programa, além de inserir jovens no mercado de trabalho, favorece uma espécie de ‘competição saudável’ durante o período de estudo.
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *