Para debater o racismo estrutural e a sua consequência no ambiente de trabalho, a Fundação Luís Eduardo Magalhães vai oferecer aos seus colaboradores Oficina com o tema “Igualdade Racial e Racismo Estrutural”, na próxima segunda-feira (13), das 14 às 18 horas, no auditório da Fundação, em Amaralina.

O evento faz parte da Campanha ‘Dedo na Ferida’ do Esporte Clube Bahia que seleciona empresas para, através de oficinas, promover a igualdade racial e ampliar o debate sobre o assunto dentro das instituições.

A oficina será ministrada pelo professor Edson Cardoso, doutor em educação, mestre em comunicação e ex-assessor especial da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial.

ASCOM

Na manhã da ultima quarta-feira (12), foi realizada palestra sobre as normas que regem a gestão e fiscalização de contratos no serviço público, pelo consultor Jorge Nascimento. Além de explicar o papel e suas responsabilidades, o consultor falou da importância do fiscal conhecer detalhadamente o contrato firmado e se certificar se todas as cláusulas foram cumpridas antes de se atestar a nota fiscal para pagamento.

Tomando como referência acórdãos e instruções dos Tribunais de Conta da União e Estado (TCU/TCE), Jorge Nascimento explanou sobre situações vivenciadas pela FLEM para tratar das melhores práticas utilizadas atualmente na gestão e fiscalização de contratos. Os participantes puderam tirar dúvidas e receber orientações sobre a gestão dos contratos geridos pela FLEM, a exemplo do Primeiro Emprego e Bahia Produtiva.

A ex-superintendente da Fundação Luís Eduardo Magalhães (FLEM), Vera Lúcia Queiroz, foi uma das personalidades homenageadas durante o lançamento da Academia Baiana de Ciência da Administração (ACADM), lançada no final de junho deste ano. A ACADM reservou à memória da administradora e professora de administração a cadeira número 21.

Leia mais