Na tarde desta quarta-feira (16), jovens aprendizes do Projeto FLEM Social – Nossa Travessia participaram de palestra que abordou a Vulnerabilidade Social e a Inclusão dos Jovens no Mercado de Trabalho. O evento aconteceu no auditório da Fundação e teve o psicólogo Sidney Reis como palestrante.

Conduzida de forma leve e descontraída, por diversas vezes os jovens foram estimulados a participarem. “Tirar o chapéu para nós mesmos é algo que a gente dificilmente pensa, devido à correria do dia a dia, e essa dinâmica me fez perceber que é preciso se auto reconhecer”, afirmou Vitória Ribeiro, jovem aprendiz, referindo-se a uma das dinâmicas apresentadas pelo psicólogo.

Sidney teve poliomielite aos dois meses de idade e usou exemplos próprios da sua vida, na condição de cadeirante, para abordar questões como os desafios da primeira oportunidade de trabalho e suas conquistas. Além de psicólogo, Sidney é analista de sistemas e trabalha desenvolvendo projetos na Superintendência dos Direitos da Pessoa com Deficiência – SJDHDS (Secretaria da Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social), como o Passe Livre, por exemplo. “As dinâmicas me ajudam a identificar como devo conduzir a palestra, por isso faço com que eles falem e de acordo com isso eu vou trabalhando o que eles precisam, pois é mais interessante quando as questões aparecem”, explicou.

Este evento fez parte das atividades do projeto FLEM Social que assiste 31 meninos e meninas das comunidades do Bairro da Paz, Nordeste de Amaralina, Santa Cruz e Calabar, e tem como objetivo realizar ações voltadas a jovens em situação de vulnerabilidade social, com foco na aprendizagem e inserção no mundo do trabalho.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *